Favoritos || Setembro'17

11:00

   Já se sabe o quão gosto de Setembro. As temperaturas deixam de ser ridiculamente elevadas, as noites ficam mais frescas e beber chá com uma mantinha por perto já é possível. Estas são algumas das razões, mas poderia falar-vos de mais algumas com facilidade. Foi um mês de viagens, de novas experiências e, acima de tudo, de começos. Dei os primeiros passos para o que se segue e, ainda que o tempo passe suficientemente depressa, estou ansiosa pelo que vem a seguir.


   Nesta categoria destaco as duas coisas que entraram na minha rotina mal chegaram a minha casa. Falo-vos do perfume Oui À l'Amour e deste batom nude da Yves Rocher enviados pela conselheira de beleza Mónica
   O perfume tem um toque doce e leve que me agradaram de imediato e, ainda que antes não fosse frequente usar perfume todos os dias, agora gosto de dar uma pequena borrifadela na pele e sinto o aroma durante todo o dia. É maravilhoso!
   Quanto ao batom, é exatamente como esperava e como queria que fosse. É um nude perfeito que fica muito bem nos lábios e que tem uma duração relativamente boa. Era exatamente um batom destes que eu procurava para que mantivesse uma cor bonita mas nada de muito extraordinário, por isso enche-me mesmo as medidas.
   Na minha ida a Lisboa, de que vos vou falar mais adiante, aproveite para passar na Sephora e trouxe de lá estes dois produtos que trazia debaixo de olho desde que me falaram neles. Confesso que ainda não lhes dei muito uso, mas já usei o iluminador e acho que ele dá um toque radiante à pele. Assim que fizer maquilhagens mais trabalhadas e tiver uma opinião mais completa, posso falar-vos deles em mais destaques caso tenham interesse.

   Se houve peça que esteve presente na maioria dos dias de Setembro foi esta mala que vos mostrei há dias. É consideravelmente mais pequena que a mochila que costumava usar 24/7 ou do que as restantes malas que tenho, mas não considero isso como uma desvantagem porque me obriga a ver o que é realmente essencial e, assim, não ando carregada com coisas que decididamente não vou usar.
   Além disso, como a alça tem dois padrões, posso brincar ao conjugá-la com a roupa que estiver a usar.

   Setembro marcou o regresso de American Horror Story - que está bastante diferente das restantes temporadas e me deixa cheia de questões a cada episódio que passa -, de Narcos - ainda só vi dois episódios, penso, e, para já, confesso que não me está a cativar como as temporadas anteriores -, de The Big Bang Theory - que, depois de uma enorme espera, regressou para nos avivar a memória da bela e surpreendente decisão que o Sheldon tomou - e a estreia de Young Sheldon - que é, como o nome indica, a história do Sheldon em pequeno -. Gotham foi outra série que regressou - e cujo primeiro episódio me deixou extasiada -, mas ainda estou a ponderar se irei efetivamente acompanhá-la pois, como vou começar o estágio e a dissertação, não me vai sobrar muito tempo para séries. Ando também a ver Friends, como penso que já tinha dito por aqui, e, ainda que ande a passe de caracol, estou a gostar muito.
   Em relação a filmes, este mês foi bem mais composto que os anteriores. Fiz uma maratona de Harry Potter e, entrei tanto no espírito da magia de Hogwarts, que acabei por me iniciar também na leitura da saga. É verdade que estes livros estiveram presentes na infância e adolescência da maior parte das pessoas da minha geração mas, honestamente, não importo de estar a ler os livros só agora porque, acima de tudo, estou a vivê-los de uma forma maravilhosa. Além disso, vi ainda o Despicable Me 3, o Baywatch, o Everything, everything, o As good as it gets e o Baby driver.

   Entrei em Setembro a ler este livro e levei quase o mês todo para o ler. Talvez tenha sido a minha leitura mais demorada de sempre mas foi, sem dúvida, muito enriquecedora. Com esta obra, Carl Rogers foi ao encontro de muitas das minhas ansiedades face ao estágio e tranquilizou-as de uma forma que só se pode justificar pela sua experiência terapêutica. É um livro que recomendo a qualquer pessoa, mas sobretudo a quem quer exercer qualquer profissão que implique cuidados aos outros, sejam estes de que forma forem. Há no livro alguns capítulos que talvez não pareçam tão úteis e que nos possibilitem uma leitura mais na diagonal mas, por outro lado, há outros que requerem segundas leituras e notas de lado para realçarem a sua importância.
   De uma forma mais criteriosa li também este livro que conheci graças à Sofia. Não o li de fio a pavio mas, sim, optei por ler os capítulos que achei mais importantes à fase em que me encontro. Nele podemos encontrar coisas tão simples como a diferença entre dissertações de mestrado e teses de doutoramento, ou dicas úteis sobre como preparar a apresentação de uma dissertação, quais os tipos de estudos que podemos utilizar ou como fazer a análise dos dados.
   Por fim, e como já vos disse mais acima, li o primeiro livro da saga Harry Potter. Achei-o encantador e se por um lado fiquei triste por não o ter lido mais cedo, por outro senti-me felicíssima por dar oportunidade a mim mesma de descobrir o quão realmente bom é algo que conheço - de nome - há tanto tempo. 
   É impressionante a doçura e ingenuidade das personagens e o quão apegada me senti à obra logo no primeiro instante. Estou ansiosa por ler os próximos livros para conhecer as diferenças que foram feitas na adaptação ao grande ecrã e, acima de tudo, para conhecer numa outra perspetiva o crescimento dos três amigos.

Lisboa - Parque Eduardo VII
Centum Cellas - Belmonte
Viseu (com as miúdas mais giras, muito no final de Agosto mas digno de partilha aqui *eheh*)

   Este mês foi um mês de reencontros. Aproveitei para por a conversa em dia com amizades que não via há muito tempo e isso sabe sempre pela vida. Valorizo muito a capacidade que certas pessoas têm para manterem viva a cumplicidade, mesmo quando não é possível estarem juntas presencialmente muitas vezes. Essas pessoas merecem, sem dúvida, todo o nosso carinho.
   Outra coisa maravilhosa deste mês foi ter podido continuar a estar com as crianças da casa de acolhimento onde costumo ir. Os seus sorrisos e os abraços apertadinhos que nos dão valem tanto e deixam-nos tão feliz, que elas não iriam acreditar se lhes tentássemos explicar isso. É impressionante quanto, mesmo quando damos o nosso melhor aos outros, conseguimos dar ainda mais valor ao que eles nos dão. Porque gestos e amor são do melhor que podemos dar e receber.
   Como vos disse mais acima, neste mês fui também a Lisboa. Não foi algo planeado com muita antecedência, mas surgiu a oportunidade de ir assistir a umas jornadas na Ordem dos Psicólogos e não quis desperdiçar a oportunidade porque nunca tinha ido lá. Para além de ter conhecido o local e ter passeado um pouco, achei as exposições muito interessantes e muito relacionadas com algumas cadeiras que tive no último ano.
   Já em meados de Setembro, chegou a semana que para alguns era de matrículas - e ainda tive oportunidade de receber alguns caloiros e de lhes dar a conhecer a Happy Wish - enquanto que, para mim, era semana de decisões e de escolher como seria o meu ano (como vos falei aqui). Felizmente o que tinha em mente foi possível concretizar-se e não só vou estagiar exatamente onde sempre quis, como vou fazer a minha dissertação sobre o tema em que recaiu a minha escolha. Outubro vai-me permitir começar a trabalhar em ambos e - espero - vai-me permitir perceber que fiz a escolha certa. Ou não, não sei. Mas estou expectante e desejosa por começar.
   Neste mês apostei ainda em algumas formações e eventos que apelam à criatividade e ao querer fazer mais o que, como devem calcular, é exatamente a minha praia.

   Como puderam perceber, foi um mês em cheio. Repleto de coisas variadíssimas, de desafios, de conquistas, mas também de descanso, de gargalhadas com amigas e de bons momentos. Se Outubro vai ser assim tão repleto não vos sei dizer, mas estou ansiosa pelas aventuras que ele me irá trazer.

   Desejo-vos um ótimo mês e apelo com toda a minha força a que, independentemente de tudo, vão votar. Se querem que a vossa freguesia ou cidade se mantenha no bom caminho, votem na continuidade; se querem uma mudança, votem para que ela aconteça. Mas votem!

   Bom Outubro!

You Might Also Like

5 comentários

  1. Adoro o perfume da Yves Rocher e o baton...
    Gosteiii bastante das fotos e especialmente da mala, mto linda...
    Gosteiiii do post kerida...

    ResponderEliminar
  2. Gostei de conhecer os teus favoritos! Que Outubro seja ainda melhor! :D

    amarcadamarta.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  3. Gostei imenso de ler este post - a tua escrita é super cativante! Espero que outubro seja um ótimo mês para ti.

    Beijinhos,
    inesmartinsxx.blogspot.pt

    ResponderEliminar

Muito obrigado pela tua visita e comentário. Clica em "Notificar-me" para saberes a minha resposta.
Assim que possa irei ao teu blog retribuir o carinho. ♥